terça-feira, 20 de abril de 2010

Autos e Farsas de Gil Vicente.

Oi gente, nessa postagem eu queria falar sobre o assunto da apresentação feita nessa segunda-feira(19/04) pelo grupo composto por Cynára, Maria Raquel, Karla, Yasmin e Ricardo.
Como tema principal se tem “O Auto: Gil Vicente e a farsa”, nesse assunto eu vou ressaltar a diferença entre Autos e Farsas e destacar algumas obras.

Autos: São peças teatrais que possuem assuntos religiosos ou profanos, têm como finalidade criticar ou ironizar os membros da igreja (e não a instituição). As principais obras de Vicente que se destacam nesse tema, são: "Auto da Alma", "Monólogo do Vaqueiro", "Auto da Barco do Inferno", "Auto da Barca da Glória", "Auto da Barca do Purgatório", "Auto da Índia", "Auto da Feira" e "Auto da Mofina Mendes".
Farsas: São peças cômicas, que falam mais sobre o cotidiano, possuem a características de serem curtas (possuindo um ato só) e terem poucos personagens. Nesse tema se destacam as obras vicentinas: "Farsa de Inês Pereira", "Fardo do Velho da Horta" e "Quem tem farelos?".

Logo abaixo eu coloquei trechos de algumas das obras de Gil Vicente para vocês refletirem e deixarem suas opiniões sobre o assunto;

Farsa de Inês Pereira
MOÇO: (...) Ei-la aqui bem temperada;
Não tendes que temperar.
ESCUDEIRO: Faria bem de t’a quebrar
Na cabeça bem migada.
MOÇO: E se ela lhe emprestada,
Quem na havia de pagar.»


Auto da Alma
"A Sua mortal empresa
foi, santa estalajadeira
Igreja Madre,
consolar à sua despesa
nesta mesa
qualquer alma caminheira,
com o Padre.
E o Anjo custódio aio
Alma que lhe é encomendada,
se enfraquece
e lhe vai tomando raio
de desmaio,
se chegando a esta pousada,
se guarnece."



xxxxxxxxxxxxxx

Até mais...

Postado por: Nara Brasil

12 comentários:

  1. esse blog me ajudou muito com meu trabalho!
    agradeço muito msm!
    :)

    ResponderExcluir
  2. este blog e uma merda um lixooo uma desgraça

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. se vc n sabe fazer criticas construtivas, n julgue o trabalho do outro. pois pelo menos ele está fazendo alguma coisa, enquanto vc está sendo totalmente inútil postando esse tipo de coisa.

      Excluir
  3. Não liguem para esse tipo de pessoa. Ajudou-me muito! Grata

    ResponderExcluir
  4. pessoas qe nao tem oqe falar dizem isso ! nao liguem , mi ajudou muito e fica mais belo ainda por qe fala de um icone da literatura ... valeuu

    ResponderExcluir
  5. Professora, gostaria de saber onde encontro o AUto da Barca da GLória, pois preciso fazer um trabalho em um mes desse livro e não encontro !!!!!!

    ResponderExcluir
  6. CORREÇÃO, o Auto da ìndia não critica nenhum membro da Igreja, pelo contrario !!! Fala de uma situação cotidiana das Grandes navegações, que era o cenário histórico que existia atrás do Trovadorismo e do Teatro Vicentino !!!!

    ResponderExcluir
  7. muito bom me ajudou completar o trabalho de literatura

    ResponderExcluir
  8. olha aqui galera do 1colegial de brasilandia

    ResponderExcluir